Sangue é encontrado em carro onde morador de rua esteve com esposa de personal trainer, aponta investigação

Foto: Reprodução

No veículo, foram coletadas durante a investigação amostras de sangue e outros resíduos

A  Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) recolheu vestígios no carro onde Sandra Mara, esposa do personal trainer Eduardo Alves, transou com um morador de rua, para esclarecer detalhes do que ocorreu na noite de quarta-feira (9), em Planaltina. No veículo, foram coletadas amostras de sangue e outros resíduos.

De acordo com o site Metrópoles, os exames continuam no automóvel e nos laboratórios, com o que já foi coletado. Os investigadores também buscam detectar possíveis resquícios de sêmen, já que o personal levantou a possibilidade de que a esposa estava sofrendo um abuso sexual, o que segundo ele, foi o que motivou a atitude de agredir a vítima.

Após tratar das diversas lesões na face e no corpo, o morador de rua recebeu alta do Hospital Regional de Planaltina (HRP) no fim da manhã dessa quinta-feira (17). Ele ficou uma semana internado na unidade de saúde. “Saiu de alta médica pouco antes do meio-dia. Foi para um acolhimento institucional, por meio da central de vagas”, informou a assistente social Andréa Pádua.

Assim, a vítima foi transferida para um abrigo da Secretaria de Desenvolvimento Social, fora de Planaltina. “Ele está em um abrigo do DF. Pediu para não ficar em Planaltina”, completou a profissional. Segundo os médicos, o homem não sofreu fraturas e está com o rosto menos inchado.

Publicidades

CURTA,COMPARTILHE NOSSA PAGINA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *