Candeias-Ba: Contra exploração sexual infantojuvenil, operação ‘Parador 27’ é deflagrada. Confira!

A Polícia Civil da Bahia por meio da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) e da 20ª DT (Delegacia Territorial) de Candeias, com o apoio do Conselho Tutelar, deflagraram na tarde da ultima quinta-feira (12), operação com objetivo de coibir a exploração sexual infantojuvenil no município.

A operação está sendo realizada em alusão ao Maio Laranja – mês dedicado ao alerta da sociedade sobre o combate à exploração e o abuso sexual contra crianças e adolescentes e acontece simultaneamente em todo o país.

A Delegada titular da DEAM, Dra. Érica Guimarães, reforçou a importância da colaboração da comunidade: “Estamos aqui deflagrando essa operação policial, porém, a violência sexual na maioria das vezes é silenciosa, diferentemente de outras violações que são mais visíveis, por isso é importante o engajamento e conscientização de que qualquer suspeita de exploração ou abuso de crianças e adolescentes deve ser denunciada para que possamos investigar e solucionar o caso. A Secretaria de Segurança Pública da Bahia mantém o Disque Denúncia pelo 181, onde a ligação é gratuita e as informações fornecidas podem ser feitas em total anonimato bem como o disque 100 do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos”, pontuou.

A incursão foi deflagrada nos bairros da Caroba e do Centro da cidade, mobilizando duas viaturas, seis investigadores de polícia, dois delegados e três conselheiros tutelares que acompanharam a operação integralmente, fiscalizando pontos vulneráveis, onde crianças e adolescentes são um potencial alvo, como bares, na busca de possíveis ocorrências de abuso e exploração sexual envolvendo menores. Ao final da diligência, nenhum crime foi constatado e ninguém foi preso.

“Nosso serviço de inteligência apontou a necessidade de fazermos essa operação exatamente nesses locais, e embora não tenhamos a princípio encontrado nenhum flagrante de exploração sexual envolvendo crianças ou adolescentes isso não quer dizer que eventualmente não possa estar acontecendo. A Polícia Civil está atenta e podem ter certeza que outras operações com esse mesmo objetivo continuarão a acontecer com frequência”, afirmou o delegado titular da 20ª DT de Candeias, Dr. Vítor Eça.

Os conselheiros tutelares presentes: Adriele Ferreira, Jeane Araújo e Gleisson Caia ressaltaram a importância das constantes operações nessas localidades buscando coibir as práticas delituosas contra a criança e o adolescente.

DADOS:

A cada hora 3 crianças são abusadas no Brasil. 80% dos abusos acontecem dentro de casa. 1 em cada 3 a 4 meninas será vítima de abuso ou exploração sexual antes dos 18 anos, entre os meninos 1 em cada 6 a 10. Todos os anos 500 mil crianças e adolescentes são explorados sexualmente no nosso país e há dados que sugerem que somente 7,5% dos dados cheguem a ser denunciados às autoridades, ou seja, estes números na verdade são muito maiores.

Fonte: TvCandeias Oficial Bahia @tvcandeiasoficialba

Publicidades

CURTA,COMPARTILHE NOSSA PAGINA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *